• Laura Vassalli

Neutrofilos em queda - A neutropenia

Atualizado: Jun 5

A neutropenia é uma condição que ocorre quando o sangue não possui células suficientes chamadas "neutrófilos".

Os neutrófilos são um tipo de glóbulo branco, e eles ajudam o seu corpo a combater infecções.


Geralmente em um hemograma eles respondem por 60 a 70% dos leucócitos no sangue humano, e têm um papel muito importante, fagocitando [ou seja, basicamente comendo] bactérias e outros microrganismos que invadem o corpo.


Os neutrófilos são células bastante móveis, e podem sair dos vasos sanguíneos e entrar nos tecidos que estão sendo atacados por uma infecção para fagocitar (lançar um pedacinho deles e "comer", englobando e destruindo) microorganismos e partículas estranhas.


Quando encontramos pus em um machucado (ou em um órgão interno), esse pus é principalmente formado por neutrófilos.

Os diferentes tipos de células do sangue, entre as quais os neutrófilos, são produzidas no centro dos ossos, a medula óssea.


A neutropenia pode ter diferentes causas, acontecendo por exemplo se:


(1) A medula óssea não produz neutrófilos suficientes.


(2) Alguma coisa no corpo (como um remédio ou o sistema imunológico) estiver destruindo os neutrófilos.


Algumas pessoas com neutropenia não apresentam sintomas, e acabando tendo essa condição descoberta em um exame de rotina, mas as pessoas com neutropenia grave, ou seja, com uma quantidade de neutrófilos muito reduzida, podem ter febre e infecções frequentes ou graves.


O que causa neutropenia?


Infeções como a febre tifóide, hepatite B, tuberculose e HIV-AIDS podem causar neutropenia. Algumas medicações também, como a ciclofosfamida, sulfasalazina, doxorrubicina e mesmo a clozapina, que é uma medicação geralmente usada para tratar pessoas com esquizofrenia, podem causar neutropenia.


Algumas substâncias, como o ácido fólico, a vitamina B12 e o cobre, são importantes para ajudar o corpo a produzir os neutrófilos. Em alguns casos, as deficiências dessas vitaminas, mais comuns em vegetarianos estritos e pessoas que realizaram cirurgia bariátrica e não fazem o acompanhamento com as suplementações que eventualmente são necessárias para essas pessoas.


Alguns problemas no sistema imunológico podem gerar a neutropenia, podendo ocorrer uma neutropenia auto-imune, em que as células do próprio corpo atacam as células saudáveis, incluindo os glóbulos brancos do sangue. Isso pode acontecer em algumas doenças, como por exemplo a Artrite Reumatoide ou o Lúpus.


Podem ainda ocorrer problemas na medula óssea, a "fábrica do sangue", que geram a neutropenia, como algumas doenças genéticas, a síndrome mielodisplásica e alguns tipos de leucemia, entre outros.


Existe ainda a possibilidade da chamada neutropenia étnica benigna, ou neutropenia constitucional, que ocorre em pessoas de algumas ascendências africanas e de algumas etnias específicas, e que geralmente é leve ou moderada, e não costuma estar associada a sintomas ou maior risco de infecções.


Como costuma ser diagnosticada a neutropenia?


Geralmente um exame de sangue chamado "hemograma completo" costuma mostrar a existência de neutropenia. O mais importante nesse exame é a quantidade de neutrófilos, e não a porcentagem deles.


É importante ainda saber que não necessariamente uma diferença em relação ao que está marcado no exame como valor de referência tem um significado clínico, sendo necessário que o médico faça uma avaliação criteriosa e cuidadosa do paciente.


Dependendo de uma série de fatores podem ser necessários outros exames, e outras análises, desde outros exames de sangue, ou mesmo uma observação cuidadosa e criteriosa do hemograma, incluindo as demais células e os elementos relacionados às características das células do sangue. Em algumas situações clínicas podem ser necessários exames como uma biópsia de medula óssea.


Tratamento


O tratamento da neutropenia é variável em relação à causa, de forma que quando ocorre por conta de um medicamento, por exemplo, pode ser o caso de interrompê-lo ou fazer uma alteração no seu tratamento, trocando a medicação por outra. Em outros casos pode ser o caso de usar algum medicamento que estimule a sua medula óssea a produzir glóbulos brancos.


O médico irá te informar se existe algum risco para você, como de ocorrência de infecções. Nesse caso ele irá te informar se você precisará buscar o hospital com maior gravidade em caso de ter sintomas de infecção. Algumas pessoas podem ter neutropenia no contexto de estarem fazendo tratamento com quimioterapia, e nesse caso é muito importante ir para o hospital se, por exemplo, você apresentar febre.


#leucocitos #globulosbrancos #neutropenia #neutrofilos #alteraçãodohemograma #hemogramaalterado #componentesdosangue #hematologia #hematologista #dralauravassalli #lauravassallihematologista #medicadosangue #medicasoul